Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vo(lt)ar

Querida consciência

por meninapequenina., em 29.04.12

Qual a primeira coisa que pensas quando acordas? O primeiro desejo que formulas ainda um pouco adormecida?

Quantas pausas fazes numa resposta breve e concreta? De quantos abanões és alvo diariamente?

Fechas os olhos e um pouco bruscamente sentes-te a cair,o poço não tem fundo,o medo não tem tecto (como no livro da Alice?),como se fosses a própria Alice!

Quando te encontras com os pés na terra aborreces-te (o próprio tic tac me aborrece), a passagem do tempo deixa-te entediada.

Está sossegada uns segundos,por favor. (mas eu sou algum cão?) Tens de te habituar a parares e a pensares na vida. (pensar?penso tanto.até demais,ás vezes) Tens de te habituar a pensar no certo,no concreto,na altura ideal.

(Para quê se a vida é curta,se o tempo é escasso?) Tu tornas a vida breve se seguires caminhos errados,por não teres pensado em qual seria o certo.

Acorda,a verdade é que o desejas. (o quê?) Tu sabes o quê,se não o desejasses terias arrumado isto no meio da desarrumação do teu quarto.E pronto, ninguém saberia da existência dele,e deste texto.

Mas enquanto mentes a ti própria há pessoas que vêm em ti a verdade.Enquanto te escondes há quem te encontre.

E nestas frases um tanto confusas haverá sempre alguém que achará um pingo de coerência.

Quando deixares de me ouvir parte de ti morrerá,nunca te esqueças disso,jovem.

10 comentários

Comentar post