Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vo(lt)ar

Querido Jack,

por meninapequenina., em 14.11.12

                                                calo a melodia,o peso do meu corpo aumenta cingindo-se à realidade nocturna.

Que tédio o de ser actriz sem palco.Que vã injustiça esta de atirarem pedras ao largo.

Recuso-me a desistir de tudo.Porque no dia em que deixar de apanhar rosas por elas terem espinhos,sentirei asco de mim.

Só quem não percebe que o respirar,o acordar, o viver - em síntese - são a única coisa que podemos chamar nossa,é que baixa os braços.

Não,não desistirei.De ti,de mim,em suma : de nós.

 

 

 

(Este teve de sair do caderno)

7 comentários

Comentar post